Alienum phaedrum torquatos nec eu, vis detraxit periculis ex, nihil expetendis in mei. Mei an pericula euripidis, hinc partem.

Blog

Praticatatum / Mídia  / Projeto Papo de Música(o)!

Projeto Papo de Música(o)!

Unindo música e educação, iniciativa promove a cidadania em escolas públicas de São Paulo

 

Projeto Papo de Música(o)!, da Associação Praticatatum, terá sua próxima apresentação no dia 09 de fevereiro. Atividades são abertas aos estudantes e à comunidade do entorno das escolas.

Música e educação pela cidadania. Mais uma edição do Projeto Papo de Música(o)! teve início no mês de outubro e seguirá até maio de 2017. A próxima instituição educacional a receber o projeto será CEU UIRAPURU, as oficinas iniciarão às 14 hs e a apresentação às 15 hs, na zona oeste de São Paulo. As atividades são abertas a estudantes e à comunidade do entorno da escola (veja informações abaixo).
Promovido pela Associação Praticatatum, o projeto leva aos alunos da rede pública de ensino o gosto pela música e a importância de uma educação consistente para um futuro melhor. Esta edição deverá envolver 9500 estudantes em apresentações, oficinas e bolsas de estudos para aprendizado da música popular à erudita.
Com patrocínio das empresas Kimberly Clark, Dr.Otker e Brasmetal, o projeto mantém um corpo efetivo de professores, equipamentos e ações para melhorar a prática educativa e social. Os participantes têm entre 6 e 21 anos e podem escolher entre os cursos de percussão, xilofone, canto-coral flauta-doce, violão, guitarra, contrabaixo, teclado, instrumentos de sopros e cordas, além da discotecagem com tecnologia musical informatizada.

“O projeto é um estimulador à apreciação musical, em especial a MPB. A garotada possui um desconhecimento sobre as raízes e a diversidade oferecida pela música. Acreditamos que a sensibilização para a questão das artes desperta a convivência em harmonia e o respeito uns aos outros. Quando visitamos as escolas percebemos a seriedade, o respeito com que os jovens se participam, o que transmite para os espectadores uma sensação contagiante. O projeto conquista realmente pelo imaginário e faz com que as crianças possam pensar não só na música, mas no conhecimento de uma outra forma”, ressalta Arlen Ribeiro, presidente da Associação Praticatatum.

O Projeto Papo de Música será realizado nas seguintes escolas entre os meses de outubro de 2016 a maio de 2017:

Outubro: EMEF Daisy Amadio Fujiwara e a Comunidade do Entorno
Novembro: EMEG João XXIII e a Comunidade do Entorno e
Escola Anexa Educandário Dom Duarte e comunidades adjacentes

Dezembro:
EMEF Dayse Amadio e E.E Prof. Oswaldo Walder e a Comunidade do Entorno
Janeiro: E.E Lourival Gomes Machado e a Comunidade do São Jorge
Fevereiro: EMEF Paulo VI e a Comunidade do Jardim Paulo VI
Março: CEU Uirapuru e a Comunidade do Entorno
Abril: EMEF Educandário Dom Duarte e a Comunidade do Entorno
Maio: E.E Guiomar Rocha Ginaldi e a Comunidade do Jardim Cambará

Sobre a Associação Praticatatum
Idealizada por Arlen Ribeiro e pelo maestro Luiz Carlos José Rodrigues Filho, com coordenação técnica de Valdo Andrade, a Associação Praticatatum vem, desde 2008, trabalhando para desenvolver, por meio da música, a sensibilidade, a cidadania, as habilidades artísticas e intelectuais dos jovens.
O projeto surgiu como expansão do curso de percussão, que vinha acontecendo desde 2002 no Programa I.D.E.A.L, do Educandário Dom Duarte – uma das unidades de atendimento social da Liga Solidária. O nome PRATICATATUM surgiu da tentativa de expressar, através das sílabas, o som de alguns instrumentos de percussão como: bumbos, surdos, caixas e pratos, (PRA) é a tradução do som da apogiatura na Caixa, (TI) um leve toque no prato, (CA) um toque simples na caixa, (TA) outro toque simples na caixa mais forte e (TUM) uma batida no bumbo ou surdo.

Participam da iniciativa cerca de 300 estudantes, entre 6 e 21 anos, estudando percussão, musicalização infantil (xilofone, canto-coral e flauta-doce), violão, guitarra, contrabaixo, teclado, instrumentos de sopros e cordas, além da discotecagem com tecnologia musical informatizada.

Hoje o PRATICATATUM avançou na criação de um grupo musical, realizou a integração de estudantes construindo um ambiente musical, educativo e artístico, utilizando a música como um fundamento para o conhecimento geral e para o exercício da cidadania. A Associação possui uma orquestra formada por estudantes de 14 a 21 anos, residentes nas comunidades da região Oeste da cidade de São Paulo. O público atendido é formado por crianças, jovens e adultos que se dividem nas entidades parceiras: Liga Solidária, Nosso Lar I e II e Fundação Julita.

Os jovens recebem informações musicais diversas, que vão da música popular à erudita, buscando referências, não somente dentro das salas de aulas, mas também frequentando eventos, shows e concertos musicais nos teatros da cidade de São Paulo.

Luiz Carlos José Rodrigues Filho ressalta que a importância do PRATICATATUM está, principalmente, no fato de ser a única fonte de cultura, no bairro, para esses jovens. “O projeto abre portas para que eles possam conhecer outros lugares, conviver com outras pessoas de diferentes classes sociais e não fiquem presos apenas à realidade de onde vivem”, diz.

“O conhecimento musical permite melhorar a concentração, o respeito mútuo, o trabalho em grupo, o desenvolvimento da coordenação motora, a percepção auditiva, o pensamento crítico e o contato com uma realidade repleta de manifestações culturais. Esses jovens talentos realizam um trabalho admirável. É muito importante para eles serem reconhecidos e prestigiados também na região onde vivem”, afirma Arlen Ribeiro.

Serviço:
O quê: Papo de Música(o)!
Quando: de outubro de 2016 a maio de 2017
Próxima apresentação: dia 09 de fevereiro, às 14h (oficinas para estudantes) e às 15h (apresentação aberta ao público) no CEU Uirapuru – R. Nazir Miguel, 849 – Raposo Tavares, São Paulo – SP, 05570-030 R. Amaralina, 141 – Jardim Arpoador, São Paulo – SP.
Realização: Associação Praticatatum
Patrocínio: Kimberly Clark, Dr.Otker e Brasmetal

Praticatatum no Facebook

Instagram do Pratica.

Papo de Música (o)! no Facebook  

Sem Comentários

Publicar Comentário